A vida precisa ser cuidada, preservada.
Mesmo, quando pessoas têm doenças graves, com falência de algum órgão, existe esperança, existe possibilidade de continuidade da vida...
Com a doação de órgãos e tecidos muitas vidas podem, de fato, continuar.

Um doador representa exatamente isso: a possibilidade de não se interromper a vida de alguém, a de salvar até sete vidas.
Vale lembrar, é muito mais provável que ingressemos numa lista de espera para realizar um transplante que nos tornemos doadores.

“A VIDA CONTINUA...”

::: Fechar :::